Porto Seguro: Martha Gabriel assume consumismo em seminário de inovação tecnológica

Richard Alves, Cícero Sena, Luigi Rotuno, Alex, Beto Nascimento e Martha Gabriel.

Richard Alves, Cícero Sena, Luigi Rotuno, Alex, Beto Nascimento e Martha Gabriel: Painel após a palestra.

Anunciada como “uma das maiores pensadoras digitais do Brasil (…), ganhadora de 5 prêmios internacionais (…)”, Martha Gabriel proferiu palestra no Seminário de Inovação e Competitividade no Turismo, realizado no auditório do Senac, em Porto Seguro, no dia 17/09/2015.

O vice-prefeito, Beto Nascimento, aproveitou o evento para estimular todos empreendedores de Porto Seguro a cadastrarem gratuitamente seus empreendimentos no novo site da prefeitura, www.portosegurotur.com, que é compatível com dispositivos móveis.

Esbanjando experiências internacionais, e termos em inglês mesmo quando as palavras vinham em telas escritas em português, Martha revelou seu deslumbramento com a globalização e com o consumismo incentivado pela tecnologia da comunicação. Ela disse que compra tanto pela Internet que, por causa do atraso da entrega, que pode, segundo ela, chegar até a 2 meses; quase todos os dias, quando ela nem sabe mais o que comprou, chegam coisas à sua casa. Em seguida ela explicou que compra muito, mas também distribui muito.

A palestrante estimulou empreendedores a conhecer melhor as tendências e a investir mais em tecnologia de comunicação via Internet, citando aplicativos como o “Uber” para afirmar que não adianta lutar contra a tecnologia da comunicação.

Negando os custos sociais dos novos tempos, em uma das telas de sua palestra Martha mostra um gráfico alegando que a tecnologia gera o mesmo número de empregos que destrói.

Também na palestra Martha cita um pensador que disse ser as máquinas os elementos mais importantes para dar respostas e os seres humanos os elementos mais importantes para fazer as perguntas.
Pena que, apesar de ter sido realizado graças ao apoio de instituições que se dedicam a interesses coletivos (Senac, Convention Bureau, Sebrae e Prefeitura), no seminário não foi aberta uma sessão para perguntas do público:

1) Partindo da premissa de que a democratização dos meios de produção é uma inovação necessária diante do desemprego causado pela tecnologia, a prioridade não deve ser incentivar investimentos públicos em novas ideias de desempregados que poderiam voltar a ser felizes no mercado de trabalho, fortalecendo o mercado consumidor e consequentemente toda a economia?

2) O que leva desenvolvedores de aplicativos da iniciativa privada a terem inteligência suficiente para criar novas funcionalidades em detrimento de coletivos que vinham funcionando, como é o caso do “Uber” com os táxis; e sensibilidade ou inteligência insuficiente para combater a desigualdade social que transforma o mundo em um barril de pólvora?

3) O que leva uma multidão qualificada de emigrantes da classe média de países pobres, a negar sua contribuição para a conscientização e para a melhoria da qualidade de vida em seus próprios países, e a sair em busca de melhores condições de vida nos países ricos que, por meio das tecnologias de comunicação, agravam a pobreza dos países pobres?

Anúncios

Representantes do Polo se reúnem com Desenbahia

Já com experiências em projetos para o BNB, estou me dedicando também a elaborar projetos para a Desenbahia.

Foi realizada, no dia 25/11/11, uma reunião entre futuros empreendedores do Polo Empresarial de Cabrália, o Secretário Municipal de Infraestrutura de Cabrália – Fernando Oliveira Santos, assessores e o gerente de negócios da Agência de Fomento do Estado da Bahia S/A (Desenbahia) – Thales Quadros.

AGILIDADE NA ANÁLISE E FACILIDADES NA COMPOSIÇÃO DAS GARANTIAS

Na reunião, o representante da Desenbahia na região de Teixeira de Freitas, Thales Quadros, expôs as vantagens oferecidas pelo órgão estadual de fomento. Ele foi muito convincente, especialmente quando destacou a agilidade da Desenbahia na análise dos projetos de financiamento e as maiores facilidades oferecidas para a composição das garantias exigidas para empréstimos de longo prazo.

O presidente da Comissão Provisória Pró-criação da Associação dos Empreendedores do Polo Empresarial de Cabrália, Aníval Muniz, agradeceu a presença de todos os participantes do evento, destacando o representante da prefeitura, Fernando Santos, e o gerente de negócios da Desenbahia, Thales Quadros.

Aníval exaltou a eficácia da reunião, cujo final foi marcado pelo clima de descontração e cordialidade proporcionado pelo lanche oferecido por ele, que promoveu o evento.

FUI CONVIDADO A ELABORAR PROJETOS PARA A DESENBAHIA

Informalmente, o gerente de negócios Thales Quadros convidou-me a elaborar projetos para financiamento pela Desenbahia. Na oportunidade, Thales destacou as vantagens do financiamento de capital de giro, mesmo antes da entrada do Polo em funcionamento. Gentilmente, ele se dispôs a fornecer-me todas as informações adicionais necessárias à elaboração dos projetos.

Empreendedores buscam interatividade com a prefeitura

Comissão Provisória quer a lista de todos os empreendedores para convocação de reunião visando a constituição da entidade definitiva, em consonância com a prefeitura.

O presidente da Comissão Provisória Pró-criação da Associação dos Empreendedores do Polo Empresarial de Cabrália enviou ofício ao prefeito de Cabrália, Jorge Pontes, solicitando agendamento de reunião do prefeito com a Comissão, a ser representada por seu próprio presidente Aníval Muniz, pelo vice-presidente Valter Rocha, pelo diretor secretário João Batista, pelos assessores jurídico Josafá Mendonça e técnico José Edson de Vasconcelos, além de convidados como Aziz Ramos, empresário que negociou com a prefeitura a área onde será implantado o Polo, conforme lei municipal aprovada pela Câmara dos Vereadores.

PAUTA DA REUNIÃO

Na pauta da reunião deve estar incluída a busca de estratégias para que a Comissão Provisória possa interagir com a prefeitura visando a dinamização da implantação do Polo; o agendamento de uma reunião entre a Prefeitura, a Comissão Provisória e todos os futuros empreendedores do Polo – incluindo os de outros estados, para que seja criada a definitiva entidade representativa de todos os futuros empreendedores; o fornecimento, pela Prefeitura, de cópia da Lei Municipal que institui o Polo, bem como o fornecimento dos nomes, e-mails e telefones de todos os futuros empreendedores para que sejam convocados para reunião geral;  a regularização fundiária do terreno onde será implantado o Polo; o levantamento topográfico e a elaboração do plano altimétrico da referida área; e informações sobre o trabalho da Superintendência do Desenvolvimento Industrial e Comercial da Bahia (SUDIC), disponibilizado pela Secretaria Estadual da Indústria, Comércio e Mineração em reunião realizada em Salvador no dia 25/10/2011.

Comissão Provisória de associação elege Diretoria Executiva

Em reuniões realizadas na Pousada do Ailton, no dia 29/10/2011; e na casa de Nuno Miguel, no dia 16/11/2011, ambas na cidade de Cabrália, foi eleita a Diretoria Executiva da Comissão Provisória Pró-criação da Associação dos Empreendedores do Polo Empresarial de Cabrália, que ficou composta por Aníval Joseph Muniz como presidente, Valter Rocha como vice-presidente e João Batista Maciel como diretor secretário, sendo nomeados o advogado Josafá Mendonça como assessor jurídico e eu, administrador e jornalista, como assessor técnico.

Ficou também definido que o presidente Aníval deverá convocar uma reunião de todos os futuros empreendedores do Polo para uma reunião que tenha como objetivo principal a criação da entidade que associará todos os empreendedores, em consonância com a prefeitura de Cabrália, assim que a prefeitura fornecer à Comissão Provisória a lista dos futuros empreendedores, com respectivos nomes, e-mails e telefones.

Prefeito leva empreendedores ao Governo da Bahia

Participei da reunião em Salvador, juntamente com a equipe do prefeito e com empreendedores.

Participei da reunião em Salvador, juntamente com a equipe do prefeito e com empreendedores.

Em reunião com empreendedores do Polo Empresarial de Cabrália em seu gabinete, o prefeito de Cabrália, Jorge Pontes, convidou a todos para acompanhá-lo até Salvador, no dia 25/10/2011.

No Centro Administrativo da Bahia, a comitiva do prefeito visitou o gabinete do deputado estadual Bira Coroa, na sede da Assembléia Legislativa, e seguiu para a Secretaria da Indústria, Comércio e Mineração, onde se reuniu com José Luís Gonzaga, chefe do gabinete do Secretário James Correia e duas diretorias da Secretaria.

ATUAÇÃO DA SUDIC E DEMANDAS DO POLO

Luís Gonzaga se colocou à disposição para encaminhar as demandas do Polo aos órgãos governamentais das esferas estadual e federal.

Um destes órgãos é a Superintendência do Desenvolvimento Industrial e Comercial da Bahia (SUDIC), que deverá vir a Cabrália no final deste mês de novembro para fazer o levantamento dos investimentos de infraestrutura, incluindo o loteamento da área de 200 mil metros quadrados já adquirida pela prefeitura para doação aos empreendedores.

Entre outros investimentos estão previstos saneamento básico, abastecimento de água , de energia elétrica e elaboração do projeto. Neste quesito o prefeito informou já ter feito contatos com o Derba para tratar das vias de acesso ao Polo.

FINANCIAMENTOS E INCENTIVOS FISCAIS

Outros importantes assuntos tratados na reunião foi o enquadramento das empresas no programa Desenvolve, do Governo da Bahia, que pode reduzir o ICMS a até menos de 3% do valor das mercadorias; a mediação da Secretaria junto à diretoria do Banco do Nordeste para agilização na análise dos projetos de financiamentos e a sugestão do chefe de gabinete para que sejam usadas também as linhas de crédito oferecidas pela Agência de Fomento do Estado da Bahia S/A (Desenbahia).

Além dos incentivos fiscais do Governo do Estado, os empreendedores terão também diversos incentivos municipais e apoio da prefeitura na busca de incentivos federais, já que a participação dos empreendedores no projeto é condicionada ao atendimento da lei municipal que instituiu o Polo.

Representantes da Secretaria da Indústria, Comércio e Mineração da Bahia e do Pólo Industrial de Cabrália.

Representantes da Secretaria da Indústria, Comércio e Mineração da Bahia e do Pólo Industrial de Cabrália.

Empreendedor procura sócio para indústria de chocolate (cupulate)

José Edson de Vasconcelos*

Proprietário de linda fazenda agroindustrial limítrofe de zona urbana de um dos mais lindos centros turísticos do Brasil e do mundo, procura sócio para implantação de fábrica de cupulate (chocolate de cupuaçu).

O empreendimento terá potencial para um rápido roteiro de turismo rural, podendo aproveitar o turismo como facilitador da distribuição do cupulate em polos emissores de turistas.

O cupulate, resistente a mais 2 graus de temperatura que o chocolate, de acordo com o Ministério da Agricultura (http://www.cpatu.embrapa.br/servicos/consultorias/cupulate) é um produto com sabor e textura similares ao chocolate de cacau, porém mais nutritivo e mais saudável que este, e pode também ser consumido em pó e em tabletes ao leite, meio amargo ou branco.

As amêndoas de cupuaçu (cacau grande, em tupi-guarani), ainda segundo o Ministério da Agricultura, têm como principais características o percentual de 33,44% a mais de proteínas em relação às amêndoas de cacau, são isentas de cafeína e de teobromina.

*José Edson de Vasconcelos, jornalista e administrador [(73) 9141-0092 ou joseedsondois@hotmail.com], elabora e acompanha projetos para obtenção de financiamento pelo Banco do Nordeste (BNB).